GEA INICIA A CONSTRUÇÃO DO NOVO HOPISTAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, assinou nesta sexta-feira, 10, a ordem de serviço para o início das obras de reforma e ampliação do Hospital Estadual da Criança e do Adolescente (HCA). O investimento em obras físicas será de, aproximadamente, R$ 16 milhões e vai duplicar o atendimento de saúde naquele hospital.

Governadro Camilo anuncia a obra ao lado dos secretáriso Hamiltyon Coutinhpo, Infraestrutura e Juliano Del castilo Silva, do Planejamento

Governador Camilo anuncia a obra na presença dos secretários Olinda Araujo, da saúde, Amilton Coutinho, da Infraestrutura, e Juliano Del castilo Silva, do Planejamento

A primeira etapa, já iniciada nesta sexta-feira, será entregue em fevereiro de 2014 e, até o final do ano que vem, a obra estará pronta. A previsão é do secretário de Infraestrutura, Amilton Coutinho, que coordena as obras no Estado.

Conforme o governador, autorizar a construção de um serviço desse porte é sinônimo de avanços para o Estado. “A obra representa até agora o maior

investimento em infraestrutura da saúde estadual”. O governador determinou prioridade para as obras da saúde contempladas pelo PROAMAPÁ Saúde. “Não foi fácil estarmos hoje aqui para celebrar esse momento tão importante para todos nós”, pontuou.Para o governador Camilo Capiberibe, a obra do Hospital da Criança representa até agora o maior investimento em infraestrutura da saúde estadual.

Camilo Capiberibe ressaltou que, desde 2001, não se investia efetivamente em saúde no Estado. Nesses dois primeiros anos, o Governo do Amapá concentrou esforços para “destravar” licitações e trabalhar na elaboração e execução de projetos. “Daqui para a frente não haverá mais obstáculos ou empecilhos para

conter o avanço das obras da saúde”, assegurou.

O governador não escondia de ninguém a felicidade em iniciar a obra do HCA. Camilo aproveitou para anunciar que, ainda neste semestre, o Governo do Estado assina ordem de serviço para as obras de reforma e ampliação do Hospital Estadual de Clínicas Alberto Lima (HCAL), além de outras obras importantes da saúde em processo licitatório ou já licitadas, entre elas: construção da Central de Regulação Samu/SUS, Casa de Parto Normal, bases do Samu no interior, conclusão das obras dos hospitais de Oiapoque e de Santana, previstas para serem entregues este ano. Ele também destacou a conclusão do projeto executivo para a obra de construção do novo Hospital Estadual de Emergência (HE), com investimento de R$ 34 milhões.

A secretária de Estado da Saúde, Olinda Araújo, que ficou no cargo de diretora do HCA por mais de dois anos, sabe muito bem dos benefícios que o novo hospital trará para os pequenos pacientes daquela unidade. Ela relatou que, em período sazonal, o Pronto Atendimento Infantil (PAI) contabiliza até dez mil atendimentos, 85% dos atendimentos dizem respeito à Atenção Primária, de responsabilidade municipal.

Olinda diz que o Estado está buscando diálogo com os municípios de Macapá e de Santana com o objetivo de fortalecer o atendimento nas principais Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dessas cidades. Em Macapá, o Estado deverá investir nas UBSs do Marabaixo, Lélio Silva e Perpétuo Socorro. “O município de Macapá ficou de nos entregar, o mais breve possível, o levantamento dos custos para o Estado auxiliar a saúde municipal de imediato”.

O diretor do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Irapuã Braga, presente na solenidade, disse que está constantemente em visita ao Estado para acompanhar a aplicação dos recursos oriundos de empréstimos disponibilizados ao Governo do Amapá pela instituição financeira. “O Estado vem conduzindo muito bem a aplicação desses recursos e já estamos com um cronograma para mais investimentos em obras, inclusive na área da saúde”.

Entenda a obra

Construído na década de 1970, o HCA tem uma área de pouco mais de 3.000 m², incluindo um bloco principal hospitalar e dois anexos: um para a administração e almoxarifado; e o outro com o Pronto Atendimento Infantil (PAI). O projeto de reforma e ampliação dobrará sua área construída para mais de 7.000 m².

O novo projeto (maquete abaixo) estabelece a constmaquetehospitalcrianca4rução de dois novos blocos com três pavimentos cada. O primeiro abrigará um moderno centro cirúrgico contendo três salas de cirurgias e UTI com 17 leitos, além de áreas de conforto médico com plantões, coordenação médica e de enfermagem, salas das comissões e auditório para 110 lugares.

No segundo bloco, na parte térrea, ficarão os serviços de nutrição e dietética, rouparia, almoxarifado de medicamentos, farmácia, vestiários e oficinas. O primeiro andar será destinado a uma ampla enfermaria com 26 leitos e área ocupacional e, no segundo andar, haverá uma enfermaria com 26 leitos e brinquedoteca. Dessa forma, o HCA passará de 92 para 151 leitos, além dos 17 da UTI e dos 18 leitos de observação no Pronto Atendimento Infantil (PAI).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s