GOVERNO,POLÍTICOS E AUTORIDADES DO JUDICIÁRIO LAMENTAM A MORTE DO JORNALISTA CORREA NETO

Nota de Pesar pelo falecimento do Jornalista Corrêa Neto

-Macapá, 22 de abril de 2013-

É com enorme consternação que o Tribunal de Justiça do Amapá, por meio
de seu Presidente Desembargador Luiz Carlos, lamenta o falecimento do
Jornalista Antônio Corrêa Neto, ocorrido na manhã deste domingo (21 de
abril). Ele foi vítima de uma parada cardíaca.

Corrêa Neto foi um exemplo de profissional combativo e comprometido com
a notícia. Um cidadão de honra que deixa sua seriedade e compromisso
como legado para gerações futuras.

A Justiça do Amapá presta suas condolências e transmite seus
sentimentos de solidariedade. Que Deus conforte os corações de
familiares e amigos.

A deputada Janete Capiberibe e o governador Camilo Capiberibe enviaram notas ao blog lamentando a morte do jornalista Antônio Correa Neto, leiam.

Morre o jornalista Antônio Correa Neto, pioneiro na comunicação do Amapá

O Governo Estado do Amapá comunica, com pesar, o falecimento do jornalista Antônio Corrêa Neto, e ao mesmo tempo se solidariza com a família e amigos neste momento de dor.

Corrêa Neto foi pioneiro na comunicação do Amapá com passagem pela Rádio Difusora, TV Amapá, entre outros veículos e referência no jornalismo amapaense. Foi um dos primeiros a inaugurar um site de notícia do Amapá (www.correaneto.com.br), com expressiva influência nos demais meios de comunicação.

Além de contribuir com o jornalismo e a comunicação do Amapá, o cidadão Antônio Corrêa Neto através de suas posições claras e atitude combativa, ajudou a construir a identidade do jovem Estado do Amapá, e por isso seu falecimento representa uma perda irreparável a toda sociedade amapaense.

NOTA DE PESAR

É com tristeza que esta deputada e todo o Amapá recebem a notícia da partida de Corrêa Neto. O jornalismo perdeu um profissional que serviu de referência para muitas gerações . Toda a sociedade perdeu um defensor incansável da democracia e liberdade de pensamento e de expressão, indispensáveis para nossa evolução individual e como sociedade. Todos nós sentiremos sua falta, mas teremos na lembrança os bons debates, a boa convivência, as construções conjuntas. E o sonho de uma sociedade mais justa e humana.
Minhas condolências e meu carinho aos familiares e amigos.

Deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP)

Nota de Pesar

Recebemos com pesar, juntamente com os diversos militantes do Partido dos Trabalhadores (PT), a notícia do falecimento do jornalista Antônio Correa Neto, na manhã deste domingo, 21 de abril.

Durante anos por meio do seu sítio na internet, o combativo mestre lutou e defendeu os ideais humanistas da esquerda progressista, a ética na política e as bandeiras históricas da classe trabalhadora e do povo brasileiro.

Correa Neto, antes de ser jornalista foi um grande militante social e político da mesma escola de nomes renomados do jornalismo, tais como os saudosos Cláudio Abramo e Perseu Abramo, ambos militantes e intelectuais que durante anos estiveram nas fileiras do Partido dos Trabalhadores e contribuíram pela redemocratização do país e por liberdades democráticas e individuais.

O jornalista Correa Neto foi um militante histórico do PT e o primeiro candidato do partido fundado no início da década de 1980 a disputar uma eleição para prefeito na capital amapaense em 1988. Neste momento de tristeza da família Correa, queremos prestar nossa solidariedade e apoio, o que não é diferente de toda a militância petista.

Desejamos força para superar a perda deste ícone da luta social e do povo amapaense. A luta de Correa Neto por um mundo melhor continua nas sementes plantadas por ele.

Dora Nascimento – Vice-governadora do Amapá

Joel Banha – deputado estadual do PT e líder do governo na ALAP

Anúncios

2 Respostas para “GOVERNO,POLÍTICOS E AUTORIDADES DO JUDICIÁRIO LAMENTAM A MORTE DO JORNALISTA CORREA NETO

  1. Amigo Balalão, essa é um notícia muito triste para todos nós. É mais um amigo que perco nessa estada fora do Amapá. O Correa, muito mais que saudade, com certeza deixa um legado muito grande para todos nós que atuamos na área do jornalismo no Amapá e na Amazônia. Ao lado de figuras como Lúcio Flávio Pinto, não tenho dúvida que o Correa Neto, deu uma grande parcela de contribuição na luta pela liberdade de imprensa na Amazônia, não só no Amapá.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s