PRESIDENTE DA CÂMARA ALOPRA GASTO COM ROUPA DE CAMA E REFORMA DA RESIDÊNCIA OFICIAL

DE BRASÍLIA

Eleito presidente da Câmara dos Deputados com a promessa de recuperar a imagem do Legislativo e conter gastos, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) mandou instalar uma cobertura ao lado da piscina em sua residência oficial e gastou R$ 4.000 com roupas de cama de alto padrão.

Um jogo de lençol para casal foi comprado por R$ 599 –segundo uma loja especializada de Brasília, valor de um lençol de 600 fios, toque acetinado e puro algodão.

Ao todo, a Casa desembolsou R$ 24 mil na futura residência de Alves, segundo a assessoria de imprensa da Câmara. Ele vai morar no local por um ano e dez meses.

Sergio Lima/Folhapress
Obras na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), em Brasília
Obras na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados, em Brasília

A reportagem pediu para conhecer o interior da casa, mas não recebeu autorização.

A pedido do deputado, a Câmara construiu cobertura e toldo (R$ 8,7 mil) perto da piscina, instalou um piso e passou verniz no assoalho (R$ 5,6 mil). Também serão compradas cortinas, ainda sem valor definido.

A casa, de 800 metros quadrados de área útil, tem quatro quartos, escritório e sala de jantar. Indagada pela Folha, a direção da Câmara disse que as mudanças eram necessárias porque Alves vai morar com seus filhos.

Ainda serão feitas outras obras. A explicação é que, nas gestões “dos últimos presidentes, não foram feitas reformas, mas sim serviços rotineiros de manutenção”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s