DEPUTADA DO PSB EXORTA A PARTICIPAÇÃO DA MULHER NA POLÍTICA

“Somos lutadoras e realizadoras de mudanças sociais”

Brasília, 07/03/2013 – Em sessão solene do Congresso Nacional em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, a deputada Janete Capiberibe (PSB) incentivou as mulheres à participação política – “A nossa luta, a nossa atuação política deve ganhar voz e ganhar corpo, tornando-se uma imensa mobilização

Janete discursa em homenagem à mulher na Sessão conjunta do Congresso Nacional

Janete discursa em homenagem à mulher na Sessão conjunta do Congresso Nacional

social, com a qual faremos as mudanças que precisam acontecer” – e as parabenizou pela história de determinação e conquistas: “As histórias pessoais de cada uma das homenageadas e as vivências de cada uma de nós revelam que somos lutadoras e realizadoras de mudanças sociais. E assim continuaremos a ser. Parabéns!”, discursou a socialista.

Neste ano, as manifestações tem como foco a erradicação da violência contra a mulher, tema das ações relativas à data, neste ano. A deputada amapaense destacou as ações positivas no combate ao escalpelamento, realizadas no

Amapá. Ela elogiou o compromisso do governador Camilo Capiberibe e citou que 64 mulheres foram beneficiadas até agora pelos mutirões de cirurgias plásticas reparadoras. Cobrou o investimento de recursos federais para as cirurgias e agradeceu o gesto de solidariedade das mulheres camponesas que doaram seus cabelos às vítimas de escalpelamento.

A pauta de reivindicações das mulheres camponesas foi lida pela socialista durante o discurso, com destaque para a manutenção do conceito de Segurados e Seguradas Especiais, a universalização do Salário Maternidade para todas as

mulheres e a inclusão nas políticas públicas das práticas populares de cuidado e atenção integral à saúde das mulheres e dos povos do campo e da floresta, o que contempla o saber das parteiras tradicionais.

“São trabalhadoras rurais, ribeirinhas, quebradeiras de coco, artesãs, seringueiras, catadoras, entre outras, que vivem longe dos grandes centros, em todas as regiões do Brasil que trazem pedidos simples, sobre os quais proponho a adesão coletiva deste parlamento”, incentivou a deputada.

A socialista defendeu o combate ao tráfico de pessoas, que vitima principalmente mulheres e meninas, que deve ser denunciado pelo disque “180” e a reforma política, que garanta igualdade de gênero na representação política nacional. Hoje, apenas 8% dos parlamentares da Câmara e 12% do Senado, Câmaras e Prefeituras Municipais são mulheres.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s