MPE PROMOVE NOVA AÇÃO CONTRA ROBERTO GÓES

Ministério Público pede execução de multa de R$46,8 milhões contra Roberto Góes

O Ministério Público, por meio da Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania da Comarca de Macapá, promoveu ação de execução contra o ex-prefeito, Roberto Góes, por descumprimento de um acordo judicial efetivado em 2001 pelo Município de Macapá, no qual este se comprometia a promover a licitação para concessão de linhas de ônibus urbanas em Macapá.

Góes fora citado em 2008 para dar cumprimento ao acordo, tendo o juízo imposto multa pessoal ao ex-prefeito de R$ 50 mil (cinquenta mil reais) por dia, em caso de descumprimento.
O ex-gestor municipal descumpriu a determinação judicial, e, em meados de 2011, a multa já chegava a R$ 46.850.000,00 (quarenta e seis milhões, oitocentos e cinquenta mil reais).
“O Município de Macapá recusa-se, há muito, a promover a licitação para a concessão de linhas de ônibus, o que resulta em um serviço deficiente e caro para a população macapaense”, declarou o promotor da Cidadania, André Araújo. A Promotoria pediu, além da constrição do patrimônio de Roberto Góes, a citação do atual gestor para que dê cumprimento ao acordo firmado pelo Município.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s