Política & Cidadania

João Silva

JUIZO E CALDO DE GALINHA

O Amapá não pode correr o risco de um retrocesso em 2014, quando serão disputadas as eleições para presidente, governo do Estado, ALAP, Câmara Federal e Senado da República; um descomplicador fica por conta de randolfe_CPI_josecruz_agsenadoSarney, 82 anos, reafirmando a decisão de deixar a vida pública com o fim do terceiro mandato de senador e quarta assunção à presidencia do Congresso Nacional.

João Capiberibe (PSB) e Randolfe Rodrigues (PSOL) seguem senadores até 2019, portanto com a cartas na manga da camisa para fazer o sucessor de Sarney e conduzirem o Estado em paz, sem risco de um retrocesso que esteve por acontecer nas eleições municipais por causa  de soberba, falta de juízo e interlocutores confiáveis e equilibrados.

 ME ENGANA QUE EU GOSTO

 Na sexta-feira (18/01) ouvi o prefeito Clécio Vieira dizer na rádio Diário-FM que não houve transição; quando o assunto foi cogitado só não fiz dizer que achava uma ingenuidade acreditar que Roberto Goés seria capaz disso, ou seja, de colaborar para que acontecesse uma transição de verdade. Só falta lembrar que eu disse também que o RG não iria à transmissão de cargo.

 O que houve foi uma embromação, uma enganação, um jeitinho de protelar, de impedir que se descortinasse antes da posse o cenário de terra arrasada que tanto tem impressionado o prefeito Clécio e o fez decretar por 90 dias estado de emergência em algumas áreas, como da saúde, do meio-ambiente e da educação, onde servidores não recebiam a mais de seis meses.

BURAQUEIRA

Em menos de vinte dias de atuação, o prefeito Clécio conseguiu normalizar a coleta do lixo e fazer alimpeza da cidade, o que já é alguma coisa. A situação da malha viária é preocupante porque tende a se agravar com as chuvas do inverno amazônico; existem trechos que tapa-buraco não resolve mais. Nas Unidades Básicas de Saúde as portas não fecharam de toda, mas está havendo restrição a certo tipo de atendimento.

 MESSI

messi-x-pele-quem-e-o-melhor-jogador-da-historia-do-futebol-1358276612094_580x220Vai ter que se virar se quiser igualar-se a Pelé, ele que chega a sua quarta Bola de Ouro, escolhido pela FIFA como melhor jogador do planeta em 2012. O desabafo do gênio mal  esperou a entrega do troféu: “Falta uma copa”, dito por ele. Não só uma copa, mas três copas e 1.280 gols, se quiser se igualar ao brasileiro.

Com 25 anos de idade Messi superou o recorde do alemão Gerd Muller, que marcou 85 gols em 60 partidas em 1972; o astro do Barça fez 91, de janeiro a dezembro de 2012, mas ainda não superou a casa dos trezentos gols em toda sua carreira, portanto bem longe de Pelé e Romário, tri e tetra campeões mundiais, respectivamente, ambos com mais de mil gols.

DIFICIL

Eu diria muito difícil! Como esperar das garotas de Calçoene uma apresentação condigna na Copa do Brasil de Futebol Feminino mesmo enfrentando times de Rondônia ou coisa que o valha? Na televisão eu vi o esforço e o entusiasmo das garotas esbarrando na falta de estrutura, a começar pelo campo de treinamento da Polícia Militar, onde o time se prepara para o jogo de estréia, dia 2 de fevereiro na cancha do Glicério Marques, não menos sofrível para variar. É por aí que surgem as goleadas e os raylans da vida, aquele que distribuiu bofetes na Copinha.

CHORO

É chororô pra todo lado…Lá de Tartarugalzinho chega por aqui o chororô do prefeito Almir Rezende, o Mineiro (PT do B); o homem está soltando os cachorros em cima do ex-prefeito Rildo Oliveira. Rezende disse que encontrou frota de carros da prefeitura sucateada, escolas abandonadas, dívidas e o quadro de servidores inchado; segundo ele não faltou desrespeito ao orçamento da PMT e à Lei de Responsabilidade Fiscal; já disse que vai entregar seu antecessor ao MPE, ao TCE, à Justiça e à Policia Federal; também reclama que não houve transição; aqui pertinho, em Santana, o prefeito Robson Rocha diz que seu antecessor estuprou a Sanpreve, coitadinha.

COMPROMISSOJu

Juliano Del Castillo é um rapaz preparado, talento burilado nas escolas públicas do Amapá; nasceu e se criou no berço de um lar pobre, mas decente; ele estar secretário de governo numa terra (Amapá) em que prosperaram as raízes de uma família que tem educado exemplarmente os seus filhos; guindado ao cargo de  secretário de planejamento, ele trabalha de sol a sol para reconstruir um estado submetido à condição de terra arrasada.

O Juliano não senta em cima do cofre do GEA, não usa dinheiro público para se locupletar, não é afeito à negociatas, não dar dinheiro público para que outros enriqueçam à custa da miséria do povo e do Estado impedido de avançar, como aconteceu nos últimos oito nos anteriores a 2011.

ENFEITES

As ruas de Macapá e de outras cidades brasileiras recuperaram a graça das moças de ombros nus – um deles, para ser preciso, como antigamente; portanto ficaram mais alegres, mais cheias de graça aonde quer que se vá depois que a novela da Globo ressuscitou as menininhas de ‘tomara que caia’ – Claro que no corpo da mulher de hoje,  liberada, atraente, a moda voltou em boa hora.   

UMAS & OUTRAS – Não podemos negar ao Prefeito Clecio e secretariado, como sociedade, o que foi negado ao governador Camilo diante da situação de caos enfrentada por jovem administrador assim que assumiu o Governo do Amapá<> Toda a compreensão dispensada ao Clecio e secretários ainda será pouco, e certamente terá que se estender para além dos noventas dias da situação de emergência decretada pelo prefeito de Macapá<> Pelo menos o povo viu a cidade ficar mais limpa e o serviço de coleta de lixo regularizar, com a volta da capina e varrição que há tempo não passavam na porta da casa do cidadão sequer ali perto do Teatro das Bacabeiras, no centro da cidade, imagine na periferia!<>Bom Sérgio Maluco não esquece nosso tempo de comentarista de futebol; gente boa que compreende a importância da imprensa, quando ela trabalha para construir o esclarecimento, a motivação e a informação da sociedade; outro que encontrei foi Samuel, que jogou no Ipiranga Clube, de amor e garra, do Mata, do Alcione e de um certo pastor ainda proclamando bordão do seu tempo de artilheiro no Glicerão: “Com Dilé em campo, não tem placar em branco”<>Comer peixe e camarão é no Lamarú; pense numa cozinha de primeira e tratamento de primeira; ontem estive lá com o mano Rupsilva, e comemos bem, muito bem!<> Por hoje é só, até mais ver.

 

Anúncios

2 Respostas para “Política & Cidadania

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s