MENSALÃO: PGR DESMENTE JORNAL SOBRE INVESTIGAÇÃO DE LULA

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, acompanha sessão no plenário, em Brasília

  • Procurador-geral da República, Roberto Gurgel, em Brasília

Após o jornal “O Estado de S. Paulo” publicar que a Procuradoria Geral da República decidiu enviar à primeira instância investigação sobre os depoimentos do publicitário Marcos Valério que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a assessoria de imprensa do órgão negou nesta quarta-feira (9) que tal decisão já tenha sido tomada.

Em nota, a PGR informa que “o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, ainda não iniciou a análise do depoimento de Marcos Valério, pois aguardava o término do julgamento da AP 470 (mensalão). Esclarece ainda que somente após a análise poderá informar o que será feito com o material. Portanto, não há qualquer decisão em relação a uma possível investigação do caso”.

Em dezembro, Gurgel afirmou que iria analisar o caso e, se houvesse indícios para investigar Lula, isso aconteceria na primeira instância da Procuradoria, porque, como ex-presidente, ele não detém mais foro privilegiado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s