CHACINA EM SÃO PAULO DEIXA SEIS MORTOS NA ZONA SUL

DE SÃO PAULO

Um rapper e a testemunha de um crime praticado por PMs estão entre as vítimas da chacina registrada na noite de ontem na zona sul de São Paulo. Outras quatro pessoas morreram e três ficaram feridas na primeira chacina registrada no ano.

O crime ocorreu por volta das 23h, na rua Reverendo Peixoto da Silva, quando criminosos desceram de três carros e atiraram contra o bar onde estavam as vítimas.

Cinco pessoas morreram ainda no local. Entre os mortos estavam Laércio da Silva Grima, o Dj Lah, integrante do grupo Conexão do Morro, e o homem que filmou, em novembro do ano passado, cinco policiais matando um servente de pedreiro que já estava rendido e desarmado. O nome dessa segunda vítima não foi divulgado.

De acordo com testemunhas, assim que desceram do veículo, os assassinos gritaram “polícia” e começaram a atirar. Quando a PM chegou, os atiradores já tinham fugido e as vítimas que sobreviveram haviam sido socorridas a hospitais da região.

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) disse neste sábado que nenhuma hipótese será descartada durante a investigação do crime. “Tudo vai ser investigado com profundidade, rigor, até prender os criminosos. E a polícia já está trabalhando com vários indícios desde a madrugada”, disse ele.

Eduardo Anizelli/Folhapress
Policiais na rua onde seis pessoas foram mortas a tiros na primeira chacina registrada neste ano em SP
Policiais na rua onde seis pessoas foram mortas a tiros na primeira chacina registrada neste ano em SP
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s