ESTATUA DE JORGE AMADO É DEPREDADA POR VÂNDALOS EM SALVADOR

Uma estátua em homenagem ao centenário de nascimento do escritor baiano Jorge Amado (1912-2001) foi depredada anteontem, três dias depois de ser inaugurada em uma praça em Salvador.

O rosto do escritor recebeu o símbolo da anarquia, além de outros rabiscos.

A escultura de bronze, feita pelo artista plástico Tatti Moreno, mostra Jorge Amado –em tamanho real– sentado em um banco ao lado da mulher, a também escritora Zélia Gattai, morta em 2008, e o cachorro do casal, Fadul.

Escultura em homenagem a Jorge Amado teve o rosto rabiscado anteontem em Salvador
Escultura em homenagem a Jorge Amado teve o rosto rabiscado anteontem em Salvador

A exemplo da estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade na praia de Copacabana, no Rio, ela fica de frente para o mar.

“O choque foi grande. É uma estupidez. A gente mal inaugurou, todo mundo estava parabenizando, gente pra burro visitando, e de repente aconteceu isso”, disse o autor da escultura.

Tatti Moreno desenvolveu o trabalho em parceria com a Amarv (Associação de Moradores do Rio Vermelho), bairro onde Jorge morava.

O artista promete retocar a estátua hoje. A Amarv pressiona a delegacia da região para conseguir policiamento no local e diz que vai instalar duas câmeras na praça. O incidente repercutiu nas redes sociais e entre turistas.

No Amapá, são muitos os episódios que revelam a falta de respeito à história,  aos vultos históricos e aos monumentos que falam dos nossos antepassados.
Fortaleza de São José de Macapá é pichada por vândalos, por jovens estudantes, coisa que pode ser vista à luz do dia por quem transita no entorno do forte, que perdeu um de seus canhões para a malandragem de um ex-governador que o despachou para o jardim da sua mansão fora do Estado.
DSC00439
Bem ali na Praça Barã0 do Rio Branco outro desrespeito: a estatua do famoso diplomata brasileiro, patrono da escola e da praça (foto), teve a placa de inauguração arrancada e depredada por vândalos a poucos metros do estabelecimento de ensino, na Avenida FAB, o 1º construído por Janary Nunes no Amapá.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s