CAMINHADA ZUMBI MARCA O DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA NO AMAPÁ

Uma multidão de pessoas participou na tarde desta terça-feira, 20, da Caminhada Zumbi dos Palmares, no centro de Macapá. O encontro se transformou em uma grande festa, proporcionando momentos de muita alegria entre amigos e simpatizantes. A passeata é um evento simbólico e tradicional do Mês da Consciência Negra, que este ano comemora dez anos.

Durante a concentração foi realizada uma programação com apresentações de capoeira, afro religioso, banda marcial da Escola Estadual Tiradentes, além de grupos de hip-hop. Entre os participantes, a juventude negra e o movimento das mulheres mostraram seus potenciais com muita alegria.

Um dos momentos mais marcantes antes do início da caminhada foi o agradecimento afro religioso, realizado pelo pai Marcus, que proporcionou uma grande movimentação de pessoas unidas por uma mesma causa. A caminhada percorreu pelas principais ruas da cidade, incentivando e sensibilizando o público presente quanto à importância da data.

O presidente do Instituto Mocambo e responsável pela organização do evento, Paulo Carvalho, estava eufórico com o sucesso da programação. Em discurso, ele relatou a importância da data lembrando quem foi Zumbi dos Palmares. “Esse é um dos momentos mais importantes para a comunidade negra. É um resgate de nossos valores e conquistas. Estou feliz em ver que no Amapá somos respeitados e temos nossa cultura reconhecida, prova disso é o apoio do governo do Estado que está dando todo o suporte necessário para a realização da programação do Mês da Consciência Negra”, disse.

Para a farmacêutica Márcia Dias, ainda há muito que conquistar para o fim do racismo e de todas as formas de discriminação com os negros do país. “Nossa meta é deixar bem claro que somos todos iguais, e para conseguirmos nossos objetivos precisamos continuar lutando pelo fim desta discriminação e por igualdade de oportunidades em todos os espaços da sociedade”, relatou.

A historiadora paraense Aline Medeiros explica que todos os anos participa da caminhada. Ela diz que a data é muito importante para que a todos possam conhecer um pouco da história. “É um momento perfeito para mostrar quem foi o grande líder e guerreiro negro Zumbi dos Palmares, que sonhava com a liberdade, sendo o fundador do Quilombo dos Palmares”, disse.

História

Zumbi dos Palmares nasceu no estado de Alagoas, no ano de 1655. Foi um dos principais representantes da resistência negra à escravidão na época do Brasil Colonial. Foi líder do Quilombo dos Palmares, comunidade livre formada por escravos fugitivos das fazendas. Zumbi é símbolo da resistência e luta contra a escravidão, luta pela liberdade de culto, religião e prática da cultura africana no Brasil Colonial.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s